Arabic arDanish daGerman deGreek elEnglish enSpanish esFinnish fiFrench frHindi hiCroat hrIndonesian idItalian itHebrew iwJapanese jaKorean koLatin laMalay msDutch nlNorwegian noPolish plPortuguese ptRomanian roRussian ruSwedish svSwahili swThai thFilipino tlTurkish trVietnamese vi

O Que é Hemoterapia?


O que é hemoterapia ou autohemoterapia? Como funciona o tratamento com hemoterapia?
Esta e outras perguntas referentes ao tratamento com autohemoterapia são o assunto deste website.
Em 1936 o Médico Alemão Dr. Michael W. Mettenleiter publicou um trabalho muito importante sobre autohemotransfusão.
Posteriormente, no Brasil, O Médico Dr. Luiz Moura deu uma entrevista que viria a repercutir e se tornar a grande divulgadora
desta incrível terapia a muitos anos descoberta e testada, mas que permanecia até então à margem da medicina.
Leia o texto transcrito e revisado dessa entrevista neste website além de muitas informações adicionais e referências que inserimos.
Colecionamos e disponibilizamos também material científico que embasam as afirmações do Dr. Moura e de outros ilustres pesquisadores
como Dr. Jessé Teixeira, Dr. Ricardo Veronesi, Dr. Pierre Delbet, Dr. Paul Ravaut.



[01] Autohemotransfusão Na Prevenção de Complicações Pulmonares Pós-operatórias Michael W Mettenleiter 1936
O Que é Hemoterapia?
01 Autohemotransfusão Na Prevenção de Complicações Pulmonares Pós-operatórias Michael W Mettenleiter 1936
02 Autotransfusão Em Um Caso de Pneumonia Em 1898, Grafström e Elfstrom (1), Aplicada
03 Métodos de Aplicação da Auto-hemoterapia Autotransfusão.
04 Auto-hemoterapia Explicação da Sua Acção Mettenleiter 1936
05 Reações Vasculares de Injeção de Sangue
06 O Sistema Retículo-endotelial é Estimulada Pela Auto-hemoterapia Mettenleiter 1936
07 índice Bactericida Para Testar a Auto-hemoterapia Outro Teste Utiliza Um índice Bactericida
08 A Estimulação dos Tecidos Que Formam o Sangue No Osso
09 Autohemotransfusão Prevenir Complicações Pulmonares Após a Operação
10 Um Caso Desenvolveu Uma Pequena área Trombótica
11 O Sangue Que é Deixado Na Ferida Após a Operação
12 Conclusão a Administração Intramuscular de Sangue Após a Operação
13 Referências Na Obra de Mettenleiter 1936
14 O Que é a Auto-hemoterapia?
15 História da Auto-hemoterapia. Inicio e Pratica.
16 Dr. Floramante Garófalo é Curado de Obstrução Na Artéria da Perna. 1976
17 Os Trabalhos do Dr. Jésse Teixeira 1940 e Outro do Dr. Ricardo Veronesi 1976.
18 Dr Luiz Moura Lê Outro Trecho do Trabalho do Dr. Ricardo Veronesi
19 O Caso de Esclerodermina Fase Final. Uma Rara Doença Auto-imune Curada Pela Auto-hemoterapia. 1976
20 Quais São As Principais Indicações da Auto-hemoterapia?
21 Porque Não Divulgar Um Trabalho Que Beneficia e Alivia o Sofrimento de Tanta Gente. Auto-hemoterapia.
22 Foi Um Brasileiro, Dr. Jésse Teixeira, Que Comprovou Como Funcionava a Auto-hemoterapia Em 1940.
23 Cura de Cistos de Ovário e Mioma Com Auto-hemoterapia.
24 Cura de Púrpura Trombocitopênica Com Auto-hemoterapia. a Auto-hemoterapia Salvou a Perna Dela.
25 Cura de Gangrena Por Picada de Aranha Com Auto-hemoterapia e Cloreto de Magnesio. Dr. Pierre Delbet.
26 Pier Dulbet - Pierre Delbet - Médico Francês - Solução de Cloreto de Magnésio
27 A Importância da Ingestão de Magnésio Na Alimentação. Prevenção do Câncer.
28 Prevenção de Verrugas Com o Magnésio.
29 Cloreto de Magnésio Para a Cura de Alguns Tipos de Cálculos Renais.
30 Há Contra-indicação Para o Uso do Cloreto de Magnésio?
31 Dosagem Correta do Magnésio Na Solução de Cloreto de Magnésio
32 Auto-hemoterapia Ajuda Na Esclerose Múltipla.
33 Cura de Asma Grave Com Auto-hemoterapia. Menina de 10 Anos.
34 Dosagem da Auto-hemoterapia
35 Ravaut - Paul Ravaut 1872-1934 Médico Francês Pioneiro da Auto-hemoterapia
36 Auto-hemoterapia Reduz Chance de Acidentes Vasculares e Cancer?
37 Auto-hemoterapia Dosagem e Posologia
38 Alexandre Fleming, Wilson Churchill e a Descoberta do Antibiótico Penicilina.
39 Auto-hemoterapia e a Prevenção do Câncer.
40 A Cura da Acne Com a Auto-hemoterapia
41 Onde Comprar o Cloreto de Magnésio Ou o Magnésio?
42 Alternatica de Fonte de Magnésio Que Não Seja o Cloreto. Hidróxido de Magnésio.
43 Como Preparar a Solução de Cloreto de Magnésio? Dosagem.
44 Como Evitar Verrugas Com Suplemento de Magnésio.
45 Cura de Pedra Nos Rins Com Magnésio.
46 O Cloreto de Magnésio e a Metástases do Câncer
47 Contra-indicações Para o Uso do Cloreto de Magnésio
48 Dosagem Correta da Solução de Cloreto de Magnésio.
49 Cura de Ictiose Com Auto-hemoterapia
50 Auto-hemoterapia Ajuda No Tratamento da Aids
51 Um Caso de Cura de Aids Com a Auto-hemoterapia
52 Um Caso de Controle da Hepatite C Com Ajuda da Auto-hemoterapia
53 Ascaridil Cloridrato de Levamisol Combinado Com Auto-hemoterapia
54 A Dosagem de Ascaridil Cloridrato de Levamisol Combinado Com Auto-hemoterapia
55 Osteoporose, Bursite e Artrose. Atuações do Cloreto de Magnésio.
56 Grávidas e Em Amamentação Podem Fazer a Auto-hemoterapia?
57 A Autohemoterapia Pode Reduzir Os Efeitos Nocivos da Quimioterapia.
58 A Autohemoterapia é Válida Nas Complicações de Diabetes?
59 Em Que Casos Pode Ser útil a Autohemoterapia? Amplitude da Ah
60 A Autohemoterapia é Sempre Benéfica? Explicações Sobre o Sistema Imunológico.
61 Intervalos Menores Que 7 Dias São Prejudiciais Na Aplicação da Autohemoterapia?
62 A Auto-hemoterapia Pode Ser Feita Sem Pausa?
63 A Variação de Dosagens Aumenta a Taxa de Monócitos?
64 A Partir de Que Idade Crianças Podem Fazer Auto-hemoterapia?
65 E a Auto-hemoterapia Na Geriatria?
66 A Auto-hemoterapia Funciona Na Cicatrização de Escaras?
67 Tratamento do Virus Hpv do Colo do útero Com Auto-hemoterapia
68 Tratamento do Vitiligo Com Auto-hemoterapia
69 Tratamento das Amigdalites Com Auto-hemoterapia
70 Como a Auto-hemoterapia Pode Ajudar Um Paciente Com Câncer?
71 Prevenção da Gripe. Surtos Epidêmicos e Auto-hemoterapia.
72 Prevenção de Avc Acidente Vascular Cerebral Com Auto-hemoterapia.
73 Hipertensões Essenciais e a Auto-hemoterapia
74 Auto-hemoterapia e Tratamento da Gota?
75 Esporte e a Auto-hemoterapia
76 Doenças Auto-imunes e a Auto-hemoterapia
77 Cura de Disritmia e Convulsões Epiléticas Com Auto-hemoterapia
78 Dr. Luiz Moura Fala Sobre a Medicina
79 Dr. Luiz Moura Fala Aos Médicos e Futuros Médicos
80 Uma Mente Positiva Aumenta a Chance de Cura das Doenças.
81 Relação Entre Emoção, Saúde e Doença
82 A Importância do Otimismo Na Doença.
83 Créditos da Entrevista Ao Dr. Luiz Moura Em 2004
84 Consulte Seu Médico Antes de Iniciar Qualquer Tratamento.
85 Links Para Trabalhos Científicos
86 Autohemotransfusão Complicações Pulmonares Pós Operatório. Dr. José Teixeira, 1940 Introdução
87 Conceito de Complicações Pulmonares Pós Operatórias, Pneumonias Agudas
88 Classificação Esquemática das Complicações Pulmonares Pós Operatórias, Bronquites
89 Etiopatogenia Como Causa Predispoente das Complicações Pulmonares Pós Operatórias
90 Estatísticas Mulheres Operadas de Estômago e Vesícula Complicações Pulmonares
91 Complicações Pulmonares Devidas Ao Choque Operatório Dr. José Teixeira 1940
92 Complicações Pulmonares Infeciosas Pós Operatório Dr. José Teixeira 1940
93 Embolias do Pós Operatório Dr. José Teixeira 1940
94 Infecção Por Via Linfóide, Hematóide Ou Bronquial Pós Operatório Dr. José Teixeira 1940
95 Intoxicação Pelos Polipeptídios Pós Operatório Dr. José Teixeira 1940
96 Complicações Devidas à Embolia Pulmonar Pós Operatório Dr. José Teixeira 1940
97 Complicações Especiais Pós Operatório Dr. José Teixeira 1940
98 Diagnóstico de Complicações Pulmonares do Pós Operatório Dr. José Teixeira 1940
99 Profilaxia de Complicações Pulmonares do Pós Operatório Autohemotransfusao 20cc Autohemoterapia
100 150 Observações Cirurgia de Urgência Autohemoterapia 1937
101 150 Observações Cirurgia de Urgência Autohemoterapia 1937
102 Autohemotransfusao e o Incremento das Funções Orgânicas do Fígado
103 A Eficácia da Autohemotransfusão Nas
104 Casuística - 150 Casos de Autohemotransfusão
105 Resultados Autohemoterapia As Complicações Infeciosas Não Surgiram Em Nossos 150 Casos
106 Quarto Quanto às Complicações Pulmonares Pós Operatórias
107 Imunoterapia o Impacto Médico do Século Dr Ricardo Veronesi 1976
108 Introducao Implicados Na Dinâmica Imunológica
109 Os Linfócitos e Os Macrófagos. Imunidade Por Anticorpos.
110 O Linfócito Timo-processado Passa a Ser Antígeno Sensível.
111 Imunidade Anticorpos e Sistema Retículo Endotelial.
112 Funções dos Macrofagos e Linfócitos B.
113 Papel do Sistema Retículo Endotelial
114 Imunoestimulação Imunoterapia Imunoestimulador.
115 Tratamento Hepatite Por Vírus Cirrose Hepática
116 Verrugas Por Virus Papovavirus
117 Toxoplasmose Em Imunodeprimidos Terapêutica
118 Hanseníase Lepra Resistente Aos Quimioterápicos
119 Tratando Doenças Malignas Com Imunoestimulação
120 O Papel da Imunidade Nas Doenças Malignas
121 Incidência Melanoma Em Vacinados Com Bcg Vacina Contra a Tuberculose.
122 Imunoestimulação Associada a Quimioterapia e Radioterapia
123 Doenças Auto-imunes e Terapêutica Imunológica.
124 O Sistema Macrofágico Rh Pode Reduzir Taxas de Colesterol Sanguíneo
125 Subnutrição e Defesas Imunitárias
126 Estado Psíquico e Defesas Imunológicas Depressao e Stress Pioram Os Quadros
127 Idade e Sistema Imunitário Aumento dos Anticorpos Auto-imunes Na Velhice
128 Gravidez e Sistema Imunológico Silêncio Imunológico dos Vivíparos
129 Referências Bibliográficas do Trabalho do Dr. Ricardo Veronesi, 1976
130 Quem é o Médico Dr. Ricardo Veronesi
131 Como Citar o Nosso Site

comentários:


Postar um comentário

Deixe o seu comentário





* necessário